quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Sobre como as coisas crescem

Seja pela humidade, pela chuva, pelo calor, ou por uma conjugacao de todos estes factores, facto é que na Costa Rica tudo que seja planta cresce a um ritmo impressionante! Tivémos várias vezes oportunidade de testemunhar isso: Em Mastatal no caminho para a nossa cabana vimos como em poucos dias do nada cresce uma folha de palma; quando voltamos da nossa folga em Rainsong, algo estava diferente na nossa cozinha: em dois dias cresceu uma planta com uns 50cm mesmo em frente ao nosso lavatório. Aqui com os Maleku passa-se o mesmo, e aqui vai uma pequena reportagem sobre o assunto:
Os trabalhadores escolhem as sementes e onde plantar



A sementeira está feita

Passados 3 dias as flores enchiam o nosso pequeno jardim

7 comentários:

nuno brolock disse...

Ciclo coisas que realmente interessam:
Por falar na pequenada,Isabel Alçada, actual directora do Plano Nacional de Leitura, é a escolha de José Sócrates para ocupar a pasta da Educação.

Que seja Uma (boa) Aventura.

Cláudia L. disse...

Oh Dani, qdo vejo estas coisas cheias de mimo ainda fico com mais saudades tuas...

Anónimo disse...

Mas isso são flores de brincar.... num conta!
Patê

Cátia disse...

Gostei bastante desta reportagem!!! Estás muito bonita e as crianças são adoráveis... o resultado final só poderia ser um ESPECTÁCULO! Quero um jardim igual a esse :)

isabel disse...

os trópicos são os trópicos ;)

mas não consigo deixar de pensar:
as vezes faz falta às nossas crianças reencontrarem a simplicidade destas brincadeiras. entre playstaion 3, pixel, wii's, predeu-se a magia da plantação de um jardim, de fazer um colar de contas, de sujar as mãos na terra...
as crianças das fotos parecem bem mais felizes, que muitas das crinaças fechadas numa divisão, frente a um ecrã...não acham???

a felicidade encontra-se nas coisas simples da vida!

GOZEM BEM ESTES ÚLTIMOS DIAS!!!!
JOCAS AOS 2!

isabel disse...

os trópicos são os trópicos ;)

mas não consigo deixar de pensar:
as vezes faz falta às nossas crianças reencontrarem a simplicidade destas brincadeiras. entre playstaion 3, pixel, wii's, predeu-se a magia da plantação de um jardim, de fazer um colar de contas, de sujar as mãos na terra...
as crianças das fotos parecem bem mais felizes, que muitas das crinaças fechadas numa divisão, frente a um ecrã...não acham???

a felicidade encontra-se nas coisas simples da vida!

GOZEM BEM ESTES ÚLTIMOS DIAS!!!!
JOCAS AOS 2!

Daniela disse...

Nuno, gostei particularmente desta edicao do "Ciclo de coisas que realmente interessam"!
Patê, es uma estraga prazeres! Onde está a crianca que já existiu em ti???
Sim, estes miúdos andam de pé descalco na terra a correr atrás das galinhas, e digo-vos: sao as criancas mais felizes que já conheci :)))